Referência na divulgação da ciência, Jornal da USP alcança 76 milhões de visualizações em 2023

Referência na divulgação da ciência, Jornal da USP alcança 76 milhões de visualizações em 2023

Conforme dados do Google Analytics e das estatísticas das plataformas de redes sociais, em 12 meses, entre janeiro e dezembro de 2023, foram 76 milhões de visualizações, incluindo pageviews e impressões. É o resultado da soma das visitas aos textos, vídeos, imagens e áudios expostos no jornal e das principais redes sociais (Instagram, Facebook, X – Twitter, Linkedin e Youtube).

#DivulgaçãoCientífica

via Jornal da USP

Disponível em: https://jornal.usp.br/universidade/referencia-na-divulgacao-da-ciencia-jornal-da-usp-alcanca-76-milhoes-de-visualizacoes-em-2023/

O potencial do uso de vídeos na comunicação científica

O potencial do uso de vídeos na comunicação científica: reflexões sobre a utilização de vídeos de apresentação de resultados de pesquisa em universidades

Os dados obtidos indicam que existe um nível considerável de percepção de demanda e utilidade de vídeos com apresentação de resultado de pesquisas científicas por partes de estudantes de nível graduação e pós-graduação da UFMG e que existe viabilidade técnica para organização e disponibilização de vídeos, principalmente de defesas de teses e dissertações com padrão de metadados Dublin Core na plataforma Dspace utilizada para repositórios institucionais.

#ComunicaçãoCientífica #DivulgaçãoCientífica

Disponível em: https://repositorio.ufmg.br/handle/1843/63752

Pacote de resultados CORDIS sobre divulgação científica

Pacote de resultados CORDIS sobre divulgação científica

Os projetos examinam questões como a qualidade da comunicação científica, a confiança na ciência e a mitigação da propagação e do impacto da desinformação, da desinformação e das notícias falsas. Reunindo jornalistas e comunicadores científicos, investigadores, grupos da sociedade civil, especialistas da indústria e decisores políticos – a hélice quíntupla – eles apresentaram formas inovadoras de abrir a ciência à sociedade.

#DivulgaçãoCientífica

Disponível em: https://op.europa.eu/en/publication-detail/-/publication/a0fb412d-c196-11ee-b164-01aa75ed71a1/language-en

Divulgação científica: Quem são os tiktokers da ciência

Divulgação científica: Quem são os tiktokers da ciência

Boa parte dos divulgadores de vídeos curtos sobre ciência iniciou suas atividades na pandemia, motivados pela vontade de combater a desinformação e pela possibilidade de usar o tempo livre em casa para divulgar ciência. “Na pandemia, mais pessoas passaram a falar sobre ciência nas redes sociais. Como o TikTok se popularizou nesse período, muitos divulgadores científicos passaram a usar essa rede e o Instagram, que também criou um formato de vídeos curtos, o Reels”, observa Barbosa.

via Gizmodo

#DivulgaçãoCientífica #TikTok

Disponível em: https://gizmodo.uol.com.br/divulgacao-cientifica-quem-sao-os-tiktokers-da-ciencia/

Quanto eu cobro pelo meu trabalho de divulgação científica?

Quanto eu cobro pelo meu trabalho de divulgação científica?

Quando a oportunidade certa aparece, saber quanto cobrar pelo seu trabalho faz parte desse profissionalismo, uma vez que essa cobrança não se trata de um valor simbólico, mas ela precisa cobrir os seus custos e necessidades.

Seguindo então o formato de lista, vamos pontuar o passo a passo para você, divulgador científico, estar preparado quanto a oportunidade surgir:

#DivulgaçãoCientífica #Jornalismo

via Mindflow

Disponível em: https://www.blogs.unicamp.br/mindflow/quanto-eu-cobro-pelo-meu-trabalho-de-divulgacao-cientifica/

Como a divulgação científica brasileira evoluiu com o passar dos anos

Como a divulgação científica brasileira evoluiu com o passar dos anos

A importância da transmissão da informação produzida pelo meio científico tornou-se evidente e ganhou visibilidade especial durante a pandemia de COVID-19, quando pesquisas sobre o vírus e as vacinas eram constantemente noticiadas à população.

via Exame

#DivulgaçãoCientífica

Disponível em: https://exame.com/esg/como-a-divulgacao-cientifica-brasileira-evoluiu-com-o-passar-dos-anos/

Planejamento estratégico em divulgação científica: o que observar e por que esse processo é fundamental?

Planejamento estratégico em divulgação científica: o que observar e por que esse processo é fundamental?

Esse texto parte da premissa que seu projeto de divulgação científica já está em andamento e possui um plano de comunicação ou um planejamento estratégico, mesmo que seja bem simples. Mas se esse não é o seu caso, também é possível usar essas mesmas dicas e perguntas para refletir e começar a estabelecer algumas metas e diretrizes iniciais.

#PlanejamentoEstratégico #DivulgaçãoCientífica

via MindFlow

Disponível em: https://www.blogs.unicamp.br/mindflow/planejamento-estrategico-em-divulgacao-cientifica/

Corpos e vozes dos artigos científicos: mediações da comunicação e cultura nos conteúdos de divulgação científica do periódico Reciis

Corpos e vozes dos artigos científicos: mediações da comunicação e cultura nos conteúdos de divulgação científica do periódico Reciis

Os conteúdos materializam uma guinada subjetiva na Ciência em que o corpo e o testemunho da experiência da pesquisa produzem efeitos autênticos de uma verdade que mobiliza e questiona a Verdade Universal a favor de saberes localizados, nos modos de dizer e estar; até mesmo na inclusão de tecnologias assistivas como autodescrição e tradução em Libras.

#MediaçãoEditorial #DivulgaçãoCientífica #ComunicaçãoCientífica

Disponível em: https://jcomal.sissa.it/article/pubid/JCOMAL_0602_2023_N01/

Ações de marketing para introdução de uma revista de divulgação científica

Ações de marketing para introdução de uma revista de divulgação científica

Neste trabalho, tivemos como objetivo apresentar as soluções e encaminhamentos em marketing planejadas, desenvolvidos e projetadas na implementação da Divulga-CI -Revista de Divulgação Científica em Ciência da Informação.

#Marketing #DivulgaçãoCientífica

Disponível em: http://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/bibliomar/article/view/21891

A DC à luz das conferências estaduais preparatórias para a 4a Conferência Nacional de Ciência e Tecnologia

A DC à luz das conferências estaduais preparatórias para a 4a Conferência Nacional de Ciência e Tecnologia

Destaco aqui as citações relativas à divulgação científica nas memórias das conferências estaduais de ciência e tecnologia preparatórias para a 4a Conferência Nacional de Ciência Tecnologia em 2010. (A 5a Conferência será realizada ano que vem.)

via Gene Reporter

#DivulgaçãoCientífica

Disponível em: http://genereporter.blogspot.com/2023/12/a-dc-luz-das-conferencias-estaduais.html

Comunicando ciência: o uso das redes sociais públicas pelos periódicos científicos brasileiros da Área “Comunicação e Informação”

Comunicando ciência: o uso das redes sociais públicas pelos periódicos científicos brasileiros da Área “Comunicação e Informação”

Como resultado do cálculo de engajamento das postagens e sua relação com o número de seguidores das páginas. […] Conclui-se que os periódicos possuem potencial para utilizar as redes sociais públicas para alcançar o público leigo, desde que se atentem à principal pergunta da divulgação científica: a quem se destina?

#RevistasCI #DivulgaçãoCientífica #MídiasSociais

Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/8672917

Guia de linguagem simples do ICICT

Guia de linguagem simples do ICICT

O Guia de Linguagem Simples do Icict/Fiocruz é recomendado para jornalistas da área de Saúde, profissionais da linha de frente, redatores, cientistas ou qualquer pessoa que produza conteúdo em Saúde para a sociedade.

#Escrita #InformaçãoEmSaúde #DivulgaçãoCientífica #Guias #Jornalismo

Disponível em: https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/61432

Gestão do Conhecimento e popularização da ciência

Gestão do Conhecimento e popularização da ciência: análise das relações entre os fluxos do processo de comunicação

conclui que a gestão do conhecimento apresenta características necessárias para que a popularização da ciência possa ser realizada de forma sistemática e atinja os objetivos estabelecidos nas iniciativas dos pesquisadores em disseminar, de forma compreensível, os resultados de suas pesquisas, almejando motivar mudanças individuais e coletivas – que só são atingidas por meio da educação e do empoderamento social.

#DivulgaçãoCientífica #GestãoDoConhecimento

Disponível em: https://doi.org/10.1590/2318-0889202335e220031

“A ciência precisa chegar às padarias e botequins”, avalia astrônoma brasileira colaboradora da Nasa

“A ciência precisa chegar às padarias e botequins”, avalia astrônoma brasileira colaboradora da Nasa

Geralmente, o cientista fica no laboratório, na universidade, e não expõe para a sociedade a essência do trabalho que faz. Na minha opinião isso é gravíssimo, porque, se as pessoas não sabem como é ser um cientista e o que ele faz, consequentemente podem não acreditar na ciência. Na percepção delas fica parecendo que a ciência é uma coisa muito exótica, esotérica, distante e restrita a pessoas que vestem jalecos brancos. As pessoas não se identificam com os cientistas e não acreditam neles se não os conhecem.

via Agência Fapesp

#DivulgaçãoCientífica

Disponível em: https://agencia.fapesp.br/a-ciencia-precisa-chegar-as-padarias-e-botequins-avalia-astronoma-brasileira-colaboradora-da-nasa/50190

Proudly powered by WordPress | Theme: Content by SpiceThemes

Pular para o conteúdo